SOB CHUVA E BOAS ONDAS, FELLIPE XIMENES VENCE EM IMBITUBA

By fecasurf | 2 de outubro de 2017 | Destaque, Notícias
IMBITUBA SURF TOUR: JOÃO PAULO ‘PASSARINHO’ FOI O DESTAQUE LOCAL NA PRAIA DA VILA

 

Finalistas da 2ª etapa do Imbituba Surf Tour Profissional 2017. Foto: Helena Machado/ASI

 

As previsões se confirmaram e as ondas apareceram – cerca de 4 a 6 pés – pouco mais de 1 metro de altura – para a 2ª etapa do Imbituba Surf Tour 2017, na praia da Vila, em Imbituba, que aconteceu nesta sexta feira (29), mas, a chuva também não deu trégua durante todo o dia de competição, e não poupou nem a entrega de prêmios aos vencedores da etapa.
Os 48 atletas de diversos estados do sul do Brasil, bem como um peruano, começaram a disputa que contava 500 pontos no Ranking Catarinense de Surf Profissional da Fecasurf, e 350 pontos para o Ranking Brasileiro da Associação Brasileira de Surf Profissional – Abrasp.
Fellipe Ximenes ‘soltou o pé’ na grande final
O catarinense, natural de Garopaba, Fellipe Ximenes, que ficou em quinto na 1ª etapa do Imbituba Surf Tour 2017, em abril deste ano, veio desde a sua estréia nesta etapa surfando ‘quietinho’, passando bateria após bateria sem chamar muito a atenção. e fazendo as notas que precisava para avançar na competição. Mas, na finalíssima, soltou o pé, e garantiu as maiores notas da bateria, um 7,00 e um 7,85.
Na segunda posição, e com a segunda maior nota do evento, um 9,00, conquistada nas quartas de final, ficou o surfista local de Itajaí, Matheus Navarro, que tentou dar uma dura em Ximenes, mas suas notas, 7,25 e 4,05, não foram suficientes para virar a bateria. A terceira posição na final ficou com o surfista local da praia do Matadeiro, em Florianópolis, Beto Mariano.
‘Passarinho’ foi o destaque imbitubense
O destaque imbitubense na competição, ficou por conta do local da praia do Porto, em Imbituba, João Paulo de Abreu, o ‘Passarinho’, que entre um aéreo e outro – sua grande marca registrada – chegou a final, mas não achou as ondas certas para ameaçar seus adversários. Em 5º e 7º lugares ficaram, Cainã Barleta, Eloin Travisani, Alessandro Puga e o local da praia da Vila, Leonardo Barcelos.
A maior nota – 9,40 – e maior média – 18,15 – do Imbituba Surf Tour 2017, ficaram com o surfista da praia do Matadeiro, em Florianópolis, Luan Wood, conquistadas na 2ª bateria do Round 2 da competição. O local, Leo Barcelos, ficou com a sétima melhor somatória do evento, ou 13.75 pontos, nas quartas de final.

Resultado da 2ª etapa do Imbituba Surf Tour 2017
1º Fellipe Ximenes – 14,85
2º Matheus Navarro – 11,30
3º Beto Mariano – 10,80
4º João Paulo Abreu – 9,00

Amadores sábado e domingo: Premiação e destaque para o artesanato local
Os Troféus do Imbituba Surf Tour valorizam o artesanato local através dos mosaicos da artesã Liz Panek. Foto Divulgação.
O evento continua neste sábado e domingo – 30 de setembro e 1º de outubro – com a 2ª etapa do Circuito Imbitubense de Surf Amador 2017, e as nove categorias amadoras – Petiz, Infantil, Iniciantes, Mirim, Junior, Master, Soul Surf, Feminino e Adaptados – caem na água atraindo diversos outros atletas amadores do Sul e Sudeste do Brasil.
Os atletas que disputarão o evento em Imbituba ainda levarão como prêmio o troféu feito em mosaico de pastilhas de vidro e azulejos cerâmicos da artesã local, Liz Panek, com o destaque para a Semana da Baleia Franca 2017, oferecido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turístico de Imbituba – Sedetur.
O evento oferece 1000 pontos no ranking local de cada categoria, e como sempre, visibilidade e alto nível de surf diante da qualidade da equipe técnica envolvida no evento. Além disso, 4 pranchas de surf Trench Town também figuram na premiação das categorias amadoras, além dos tradicionais kits.
O evento foi organizado pela Associação de Surf Imbitubense – ASI – e pela Diretoria Municipal de Esportes – DME -, supervisionado pela Federação Catarinense de Surf – Fecasurf – e a Associação Brasileira de Surf Profissional – Abrasp -, e apresentado pela Prefeitura Municipal de Imbituba e Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turístico.
O patrocínio é da Vida Marinha e Trench Town Surfboards, co-patrocínio da Rip Villas, Mormaii, Yazigi, e Posto Recanto, os apoiadores, A Casa do Surf, Porto dos Pães. Tac Contabeis, Mercado Zeza, Mecânica Tavarez, Lasca Mineração, Rip Fibras, Farmacia Formula X, Bit Gas, Mason da Moda, Pousada Henrique Lage, Silvestre Hotel, , Gi Goulart Biquinis, Sul Gesso, Santa Catarina Fins, Fertisanta/IOP, Sicredi, Pco da Tribo, Snet, Rancho do Surf, Imbwave, Del Mondo e Nani Ótica.