quarta-feira, abril 17, 2024
Início » Catarinense Leonardo Barcelos é o novo campeão do Rip Curl Grom Search 2016

Catarinense Leonardo Barcelos é o novo campeão do Rip Curl Grom Search 2016

por fecasurf
0 comente

Leonardo Baarcelos representará o Brasil na final internacional, em 2017

ETAPA DECISIVA DO CIRCUITO TEM AS FINAIS NESTE DOMINGO, NA PRAIA DE MARESIAS

 

Com direito a melhor nota do dia, um 9,25, o catarinense Leonardo Barcelos colocou o seu nome de vez na história do Rip Curl Grom Search, garantindo o título mirim neste sábado (5), na etapa final, que está sendo realizada na praia de Maresias, em São Sebastião, litoral norte de SP. Vencedor das duas primeiras disputas, em Garopaba/SC e Saquarema/RJ, Leo confirmou o novo título ainda no round 2, quando seu rival direto, o paranaense Fábio Martins terminou apenas em 19º lugar.

O Rip Curl Grom Search, apresentado por Guaraná Antarctica, que conta com surfistas de oito estados, segue neste domingo (6), com a definição dos títulos das outras três categorias do campeonato, a feminina, a iniciante e a grommet. Para quem não puder ir até a praia, há a transmissão ao vivo pela internet, pelo link migre.me/t8atB. Leonardo segue na disputa e agora o foco é tentar terminar o ranking com 100% de aproveitamento.

Com o título, ele se junta a nomes de destaque, que também já ergueram essa taça, como Gabriel Medina, Miguel Pupo, Filipe Toledo, Lucas Silveira (novo campeão mundial pro-júnior) e Samuel Pupo, e ganhou o direito de representar o Brasil na final internacional do evento, no próximo ano, em algum lugar do planeta. “Estou bem feliz, porque batalhei muito para ser campeão. Treinei bastante e foi bem difícil, porque todo mundo está ‘quebrando’, surfando muito bem”, vibrou.

“Esse é o principal campeonato de surf do Brasil na minha idade, então ganhar é bem importante para a minha carreira, para o meu futuro”, destacou Leonardo, lembrando outro atleta que no início de sua trajetória, também surgiu no Rip Curl Grom Search. “Quero seguir o mesmo caminho do Gabriel Medina, nosso ídolo”, comentou o surfista de 15 anos, que – na verdade – comemorou o bicampeonato no evento: foi campeão da iniciante no ano passado.

Neste sábado, com boas ondas, de até 1,5 metro, Leo começou a sua participação muito bem e melhorou ainda mais no round 2, com a maior nota do dia, 9,25. Logo depois, viu seu rival direto perder e nem precisou fazer muitas contas para festejar o título com a família, o pai, Marcelo, a mãe, Cida, e o irmão caçula e também competidor, Vinicius. “Estava ansioso. É o campeonato mais importante da minha vida até agora e agora o foco é terminar com chave de ouro”, falou.

“Quero dedicar esse título para os meus pais e meu irmão, que sempre me acompanham nos treinos e competições e estão sempre se dedicando por mim. E também aos meus patrocinadores e apoiadores. Agora, quero fazer mais uma viagem internacional esse ano e outro no início de 2017 para estar bem preparado para representar bem o Brasil lá fora na final do Rip Curl Grom Search”, completou o surfista da praia da Vila, em Imbituba.

Além da mirim (até 16 anos), os surfistas da categoria iniciante (limite de 14 anos) entraram no mar. Assim como Léo, o paulista Daniel Adisaka chegou a Maresias com duas vitórias, mas diferente do novo campeão, acabou derrotado justo na segunda fase. Agora, ele aguarda as atuações deste domingo dos rivais Mateus Sena, do Rio Grande do Norte, e Kauê Germano, para saber se comemora o título.

Já a feminina abre a disputa deste domingo, às 8h30. Carol Bonelli, de Saquarema, é a líder e tem como rivais diretas Louisie Frumento, de Guarujá, e Maju Freitas, do Rio de Janeiro. Outro destaque é a pequena Sophia Medina, que compete “em casa”.

Com limite de idade de 16 anos, como a mirim, a campeã feminina também representará o Brasil na final internacional do Rip Curl Grom Search, em 2017, com passagens e hospedagem pagas pela Rip Curl. Na grommet, para os caçulas do evento, com no máximo 12 anos, a disputa principal fica entre dois surfistas que conhecem bem as ondas de Maresias, Caio Costa, morador nesta praia, e Rodrigo Saldanha, que apesar de ser da capital, sempre vem ao litoral para surfar.

Neste sábado, atletas e público puderam aproveitar várias atrações na praia, como a degustação de Guaraná Antarctica, a pintura de pranchas com o artista Marcello Macarrão e a distribuição e pipas e revistas Fluir. O domingo também terá como atração será o Big Sup, uma disputa à parte, com os atletas surfando numa grande prancha. Também será feita a distribuição de mudas nativas e segue a campanha de arrecadação de alimentos, roupas, itens de higiene pessoal e de limpeza para as vítimas das chuvas na região (também feita no Hotel Coconuts).

O Circuito Rip Curl Grom Search 2016 é apresentado por Guaraná Antarctica. Patrocínios: Lojas Sul Nativo, WQSurf e Overboard. Apoios: Jandaia, SkullCandy, SkyGraf e prefeituras de Garopaba, de Saquarema e de São Sebastião. Supervisão: Federação Catarinense de Surf, Federação de Surf do Estado do Rio de Janeiro e Federação Paulista de Surf. Divulgação da FMA Notícias. Cobertura da Revista Fluir e site Waves. Realização: Rip Curl.

VOCÊ PODE GOSTAR

Federação Catarinense de Surf
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00