sábado, abril 13, 2024
Início » Joaquina histórica durante 2ª etapa do circuito ASJ 2019.

Joaquina histórica durante 2ª etapa do circuito ASJ 2019.

por fecasurf
0 comente
Joaquina histórica durante 2ª etapa do circuito ASJ 2019.
 As previsões de ondas épicas se confirmaram na praia da Joaquina durante mais uma etapa do Circuito OP ASJ Kids and Kings 2019. O pico do swell atingiu 12 pés na série (cerca de 4 metros) neste domingo, escrevendo mais um capítulo glorioso na rica história do surf competição em Santa Catarina.

Joaquina sendo Joaquina!”, resumiu Roberto Perdigão, Tour Manager da WSL South America, que esteve na praia neste domingo, 21 de julho, e conferiu de perto o pesado swell que chegou a costa catarinense durante a 2ª etapa do Circuito OP ASJ Kids and Kings 2019.
A Associação de Surf da Joaquina novamente contou com ondas incríveis em seus eventos neste ano, o terceiro seguido. “As etapas do profissional e da abertura do ASJ deste ano foram demais, e agora sem palavras pra comentar o que foi esse final de semana aqui na Joaca. Todos estão de parabéns” declarou Cristiano Melo, presidente da ASJ.
As condições estavam tão surreais, que atraiu experientes atletas à etapa. “Quando vi esse swell quebrando perfeito na Joaca, fiquei aguardando uma chance para competir na Master. Tirei minha Havenga 8 pés que enfeitava a sala de casa e coloquei ela em ação”, declarou Márcio Farney, que conseguiu a vaga, tanto no evento, como na final de sua categoria neste domingo.

Guilherme Ferreira, campeão Open. Foto: Basilio Ruy/PP07

                                                                     Finais de sábado.
As séries ultrapassaram 2 metros, despertando o famoso “Expresso Joaca para esquerda”, e o lendário parcel localizado na reta das dunas a quilômetros da costa. Algumas baterias tiveram W.O e o cronograma foi adiantado, com a definição de sete categorias do circuito durante o sábado.
O primeiro título foi na Sub10, numa final composta por cinco atletas. Vitória para Yuri Gabriel. Entre as meninas da Sub12, Isabelle Nalu conquistou a primeira posição, para a alegria de seu pai, o big rider e “waterman” Everaldo Pato Teixeira.
Pamella Mel foi o nome da Feminino Sub16, ficando com a primeira colocação e a liderança do circuito OP ASJ 2019. O chileno Noel De La Torre foi o melhor na Masculino Sub14, finalizando o segundo final de semana seguido com títulos em competições catarinenses.
A disputa da Masculino Sub16 veio na sequencia, decidida no finalzinho e de virada para o local Luã Silveira em cima de Luiz Mendes, de Barra do Sul(SC).
Gabriel Ogasahara repetiu o resultado da primeira etapa, e venceu a Masculino Sub12, se isolando no ranking. Na decisão da Masculino Sub18, teve festa argentina nas areias da Joaca. A vitória emocionante de Santiago Alegria Mena foi acirrada até os segundos finais contra Luiz Mendes, líder do ranking, que ainda teve a chance da virada em sua última onda.
               Domingo de Joaquina nervosa 
As ondas aumentaram ainda mais, chegando a 12 pés (cerca de 4 metros no seu ápice) para o último dia de prova. Vale ressaltar a rápida e precisa decisão emitida pela comissão técnica, que determinou o auxílio dos Jet skis aos atletas na hora de entrarem no mar, resolução que serviu durante todo o dia.
O local Luciano Nem venceu a Adaptados Masculino, após surfar uma onda da série atrás da pedra Careca e arrancar 8 pontos. Na Adaptados Feminino, título para Denise, e a primeira posição da categoria Deficientes Visuais ficou para o Jackson. Destaque para o suporte dado a estes atletas pela Associação Surf Sem Fronteiras, que realiza um trabalho voluntário junto a modalidade.
A final Master teve o embate entre “titãs” do surf catarinense, reunindo quatro competidores experientes numa arena digna para este encontro. Vitória de Jussemir Junior, que surfou uma longa esquerda e quase parou em sua casa no Campeche. Adriano Lemos terminou em segundo, Márcio Farney em terceiro e Guga Arruda em quarto
A categoria Local foi vencida por Cristian Silva, que superou Guilherme Ferreira por menos de 1 ponto de diferença. Gui estaria na bateria seguinte decidindo a Open, e fechando o evento de forma espetacular.
Dessa vez Ferreira não deixou a vitória escapar, conquistando a primeira colocação Open, num evento que por muitos anos vai habitar a memória de todos os envolvidos. “Foi uma dádiva estar disputando esse campeonato em condições épicas, num mar gigante como esse. Estou feliz, pois ando afastado das competições, mas em ondas como essas, o sangue de competidor fala mais alto e o instinto prevalece”, declarou o campeão, que é salva vidas na Joaca e conhece muito bem o terreno.
A próxima etapa do Circuito OP ASJ Kids and Kings 2019 fecha o calendário da Associação de Surf da Joaquina nos dias 15, 16 e 17 de dezembro, junto com a etapa única do Interassociações, definindo os campeões da temporada deste ano.

A 2ª etapa do Circuito OP ASJ Kids and Kings 2019 tem o patrocínio da Ocean Pacific (OP), Prefeitura Municipal de Florianópolis, Secretaria de Cultura Esporte e Juventude, Fundação Municipal de Esportes, Puerto Escondido Kiosque Mexicano, Liquid Trips, Hot Glass, Kxo Shaper, Rhyno Foam e Kbral Centro Automotivo.
Apoio: Banana Wax, Panificadora Lisboa, Silverbay, Tikehau Surf Shop, Rebel Store, Cabrera Náutica, Jonh Carper Hawaii, AS Fins, Restaurante Pedra Careca, Mix Fins, Cris Hotel, Hibrid, Palm, Floripa Team, Bar e Restaurante À Tôa na Jôa e Joaquina Surf Shop.Realização: ASJ (Associação de Surf da Joaquina). Supervisão técnica: Fecasurf (Federação Catarinense de Surf).

Resultados

Open
1º- Guilherme Ferreira
2º- José Muniz
3º- Ramiro Rubin
4º- Marlon Klein

Sub18 Masc.
1º- Santiago Alegria Mena (ARG)
2º- Luiz Mendes
3º- Luã Silveira
4º- Kayki Araújo

Sub16 Masc.
1º- Luã Silveira
2º- Luiz Mendes
3º- Kayki Araújo
4º- Teo Rodrigues (ARG)

Master
1º- Jussemir Junior
2º- Adriano Lemos
3º- Márcio Farney
4º- Guga Arruda

Sub14 Masc.
1º- Noel De La Torre(Chile)
2º- Gabriel Ogasahara
3º- Takeshi Oyama
4º- Caetano Silveira

Sub12 Masc.
1º- Gabriel Ogasahara
2º- Yuri Gabriel
3º- Keone Roitman (HAW)
4º- Davi Glazer

Sub10 Masc.
1º- Yuri Gabriel
2º- Michel Demétrio
3º- Luiza Rosa Teixeira
4º- Polinho
5º- Arthur Machado

Local
1º- Cristian Silva
2º- Guilherme Ferreira
3º- Pedro Souza
4º- Gabriel Naza

Surf Adaptado Masc.
1º- Luciano Nem
2º- Pablo Ortiz
3º- Fidel Teixeira
4º- Gelder Costa

Deficiente Visual
1º- Jackson
2º- Samuel
3º- Mauri
4º- Derick

Surf Adaptado Feminino 
1ª- Denise
2ª- Franciele
3ª- Vitória

Feminino Sub16
1ª- Pamella Mel
2ª- Yasmin Dias
3ª- Flávia Ciansarulo
4ª- Bela Nalu

Feminino Sub12
1ª- Bela Nalu
2ª- Joana Camila
3ª- Luiza Rosa Teixeira

    PRIME.PRESS07 ASSESSORIA & COMUNICAÇÃO
                                            contato@primepress07.com.br
Staff PP07    
        Jornalista: João Lopes     Fotos: Basilio Ruy     Clipagem: Murilo Rocha
        (48) 99608 4847
 Cristian Silva, campeão Local. Foto: Basilio Ruy/PP07
O argentino Santiago Alegria Nena, campeão Sub18. Foto: Basilio Ruy/PP07
Luciano Nem, campeão Surf Adaptado. Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Sub16 Feminino. Foto: Basilio Ruy/PP07

VOCÊ PODE GOSTAR

Deixe um comentário

Federação Catarinense de Surf
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00