Início » ASM Matadeiro conquista o título do Interassociações 2022 em Garopaba.

ASM Matadeiro conquista o título do Interassociações 2022 em Garopaba.

por fecasurf
0 comente
                                                                                   Florianópolis, 5 de dezembro de 2022
      
ASM Matadeiro conquista o título do Interassociações 2022 em Garopaba.

Com ondas alucinantes quebrando durante os dois dias de competição, a Associação de Surf do Matadeiro (ASM – Florianópolis) sagrou-se a equipe campeã da edição 2022 do Santa Catarina Interassociações Fecasurf realizado neste último final de semana na praia da Ferrugem, em Garopaba(SC).Um evento para entrar para a história do surf catarinense! A edição de 2022 do Santa Catarina Interassociações reuniu atletas de todo o litoral de Santa Catarina, divididos em 12 equipes que disputaram o título de melhor associação do estado neste último final de semana na praia da Ferrugem em Garopaba(SC).

Esta é a maior competição do país na modalidade (e quem sabe do mundo), reunindo as principais associações de surf filiadas a Federação Catarinense de Surf (Fecasurf), disputando o título de melhor equipe do Estado.
As baterias foram disputadas no formato “fast heat” com a duração de 10 minutos. Os competidores puderam surfar no máximo três ondas, sendo computadas as duas melhores notas de cada atleta. Para muitos que participaram do evento, foi a primeira vez que competiram em um campeonato com esse formato de disputa. “É um evento muito dinâmico com uma fórmula interessante, onde a estratégia conta muito no resultado final” declarou Renato Melo, presidente da Fecasurf.

Um campeonato diferente da Federação Catarinense de Surf

A dinâmica do evento é diferenciada em relação aos campeonatos convencionais, e exalta o espírito de equipe e união entre os atletas e todas as associações que participam desta competição. “É um dos melhores campeonatos realizados pela Fecasurf. Esse clima de camaradagem misturado com uma rivalidade sadia, onde todas as equipes querem vencer fazem desse evento único no Brasil” declarou Fred Leite, um dos organizadores da competição.

Foram dois dias memoráveis na sempre constante praia da Ferrugem em Garopaba(SC), conhecida como a Capital Catarinense do Surf. O sábado começou com a tradicional Cerimônia das Areias, onde cada associação leva um pouco de areia de sua respectiva praia e coloca num recipiente. Na sequencia os anfitriões do evento despejam as areias contidas no pote dentro do mar, simbolizando a união e a força do surf catarinense.

O primeiro dia de competição foi marcado por pouco vento e ondas sensacionais, com séries perfeitas que chegaram a 2 metros com excelente formação.  O que se viu foram performances de alto nível por parte de todos os atletas e suas respectivas equipes, que aproveitaram da melhor forma toda a perfeição da Ferrugem.

Destaque para o aéreo reverse numa junção pesada de Patrick Plachi, da Associação de Surf da Praia do Rosa(ASPR), que lhe valeu 9.50 pontos e uma das melhores atuações da prova.

Ao término deste primeiro dia de competição, a Associação de Surf do Matadeiro terminou na liderança no quadro geral de pontuação com 94 pontos, seguida de perto pela ASLI (Luz Ibiraquera) com 92 pontos e a ASI (Imbituba) na terceira colocação com 85 pontos.

A ASJ (Joaquina), que defendia o título do Interassociações conquistado em 2019 (2020 e 2021 não teve devido ao Covid-19) e buscava o tricampeonato consecutivo da prova, fechou o dia na sexta colocação.

                                                        Domingo de decisão na Ferrugem

No domingo as condições do mar se mantiveram  praticamente idênticas ao sábado, com as ondas chegando a 1,5 metro na série. “Esse campeonato é sensacional, e acima de qualquer disputa, é uma grande confraternização do surf catarinense. Estão todos de parabéns”, declarou Jordão Bailo Junior, Vice-Presidente da Fecasurf  e um dos idealizadores desta competição que foi criada ainda nos anos 90.

No total foram 11 categorias disputadas valendo pontos para as equipes desde as primeiras fases, além dos quesitos de organização (uniforme, bandeiras, barracas e times completos). Vale destacar que todas as associações se apresentaram completas em sua formação e no cumprimento dos tópicos estipulados pela Fecasurf.

O surf Adaptado abriu as finais do Santa Catarina Interassociações 2022, com todas as 12 equipes sendo representadas nesta categoria. “Isso mostra a força que estamos ganhando dentro do esporte. Já podemos pensar na criação de um circuito catarinense exclusivo para o surf adaptado”, declarou Fidel Lopes, representante da ASM Matadeiro. O campeão foi Miguel Menezes, da ASI (Imbituba).

Os atletas do Longboard foram pra água na sequencia, com Luciano Botelho conquistando o único título para Bombinhas (ABS), por uma pequena margem em cima do Vice-campeão João Marques da Joaquina(ASJ) e o local de Garopaba Otomar Ribeiro (ASG). Rodrigo Carvalho da praia do Rosa (ASPR) surfou apenas uma onda e terminou na quarta posição.

Na final Master Ronaldo Silveira virou em sua última onda no último minuto e cravou a primeira vitória do dia para a Joaquina (ASJ), deixando André Zanini (ASPR-Praia do Rosa) em segundo. Roni Ronaldo (ASG- Garopaba) e Daniel Kuerten (ASM-Matadeiro) terminaram em terceiro e quarto colocados respectivamente.

As meninas entraram na água para decidir a Feminino Open, que rendeu a vitória para Pâmela Mel, representando a ASF (Ferrugem). Na Feminino Sub-14 o título foi para o norte do estado com a vitória de Kyara Antunes, que defendeu a bandeira da ASP (Prainha- São Francisco do Sul).

Na Sub-10, uma das categorias de base do evento, a disputa foi acirrada. Melhor para o local de Garopaba (ASG) Samuel Couto, que venceu em frente de sua torcida e comemorou o título da sua divisão. Guilherme Goulart (ASJ-Joaquina) chegou perto e terminou em segundo lugar, seguido por Luca Messenger (ASM-Matadeiro) em terceiro e Luiz Gustavo(ASPM- Praia Mole) em quarto lugar.

Na final seguinte foi a vez de Lucas Miguel conquistar a segunda vitória do dia para a ASJ Joaquina na categoria Sub-12.  Na sequencia a Associação de Surf Luz Ibiraquera(ASLI) festejou seu primeiro título no final de semana, com a vitória de João Rafael na Sub-14. A segunda vitória da ASLI veio na sequencia com Ryan Martins subindo no lugar mais alto do pódio na Sub-16.

O segundo título da ASP(Prainha-São Francisco do Sul) veio com emoção e virada no último segundo na Sub-18. Cauã Gomes conseguiu uma esquerda longa que lhe possibilitou uma sequencia de manobras e a vitória em sua categoria já na regressiva de término da bateria.

Fechando as disputas deste evento memorável do surf catarinense, a categoria Open foi a cereja do bolo neste domingo de decisões. Walley Guimarães arrematou a terceira vitória para a ASLI (Luz/Ibiraquera) abrindo a bateria com um Alley-oop para a direita com muita velocidade, e estabelecendo a maior nota do evento (9.75) na última bateria do dia.

Luã Wood correu atrás e virou o resultado a seu favor com uma nota 7 pontos, deixando Walley precisando de pouco mais que 3 pontos. Com apenas o high score computado a seu favor, Walley conseguiu dropar uma esquerda já na regressiva e aplicar uma boa batida de backside, para marcar acima de 4 pontos. Foi o suficiente para virar o resultado a seu favor e vencer a disputa.

Luã Wood(ASM- Matadeiro)  finalizou em segundo, Patrick Plachi (ASPR-Praia do Rosa) em terceiro, e Rodrigo Couto (ASF-Ferrugem) em quarto fecharam a bateria final.

                                                     ASM-Matadeiro faz a festa em Garopaba.

Com todas as categorias definidas, foi a vez das equipes fazerem a festa dessa edição histórica do Santa Catarina Interassociações em Garopaba. As três primeiras colocadas receberam premiação em dinheiro: a campeã ASM(Matadeiro) embolsou R$2.000,00 reais pelo título, com a ASLI (Luz/Ibiraquera) em segundo, faturando R$1.500,00 e terceira colocada ASJ (Joaquina) embolsando R$1.000,00.

Para o presidente da Fecasurf Renato Melo, a edição 2022 do Santa Catarina Interassociações ficará marcada na história da competição. “Foi um final de semana incrível. Essa é a finalidade do Interassociações, unir o surf catarinense e mostrar sua força. Esperamos que no ano que vem seja ainda melhor, e com mais equipes participando dessa grande festa do surf de Santa Catarina” encerrou Melo.

Santa Catarina Interassociações Fecasurf 2022

Patrocínio: Prefeitura Municipal de Garopaba(SC) e Silverbay

Apoio: Buena Onda, Restaurante Zanoni e Guna.

Realização: ASG (Associação de Surf de Garopaba) e ASF (Associação de Surf da Ferrugem)

Homologação e Organização: Fecasurf.

Resultados por categorias

Open
1º –  WALLEY GUIMARÃES (ASLI – Luz Ibiraquera)
2º – Luan Wood (ASM- Matadeiro)
3º – Patrick Plachi (ASPR- Praia do Rosa)
4º – Rodrigo Couto ( ASF– Ferrugem)

Sub-18
1º –  CAUÃ GOMES  (ASP – Prainha São Chico)
2º – Lucas Haag     (ASM- Matadeiro)
3º – Noah Machado (ASLI – Luz Ibiraquera)
4º – Caetano Silveira ( ASJ – Joaquina)

Sub-16
1º –  RYAN MARTINS (ASLI – Luz Ibiraquera)
2º – Esdras Morais (ASM- Matadeiro)
3º – Caue Conceição (ABS-Bombinhas)
4º – Kauan Campos ( ASG– Garopaba)

Sub-14
1º –  JOÃO RAFAEL (ASLI – Luz Ibiraquera)
2º – Luka Konig (ASPI- Itajaí)
3º – Henrique Venceslau (ASM-Matadeiro)
4º – Lucas Costa ( ASI – Imbituba)

SUB-12
1º –  LUCAS MIGUEL (ASJ –Joaquina)
2º – Matheus Amaral (ASP- Prainha São Chico)
3º – David Junior (ASPR- Praia do Rosa)
4º – Noah Zanoni ( ASG –Garopaba)

SUB-10
1º –  SAMUEL COUTO (ASG–Garopaba)
2º – Guilherme Goulart (ASJ- Joaquina)
3º – Luca Messenger (ASM- Matadeiro)
4º – Luiz Augusto ( ASPM –Praia Mole)

Master
1º –  RONALDO SILVEIRA (ASJ – Joaquina)
2º – André Zanini (ASPR- Praia do Rosa)
3º – Roni Ronaldo (ASG- Garopaba)
4º – Daniel Kuerten ( ASM –Matadeiro)

Longboard
1º –  LUCIANO BOTELHO (ABS – Bombinhas)
2º – João Marques (ASJ- Joaquina)
3º – Otomar Ribeiro (ASG- Garopaba)
4º – Rodrigo Carvalho ( ASPR – Praia do Rosa)

Feminino Open
1º –  PAMELA MEL (ASF – Ferrugem)
2º – Alma Corgiolu (ASI- Imbituba)
3º – Natalie Plachi (ASLI- Luz Ibiraquera)
4º – Maya Carpinelli (ASG -Garopaba)

Feminino Sub-14
1º –  KYARA ANTUNES (ASP –Prainha São Chico)
2º – Valentina Zanoni (ASPI-Praias de Itajaí)
3º – Vic Valenzano (ASPR- Praia do Rosa)
4º – Maria Heizem (ASL -Laguna)

Surf Adaptado
1º –  MIGUEL MENEZES (ASI – Imbituba)
2º – Martin Rosa (ASPR – Praia do Rosa)
3º – Luciano Nem (ASJ- Joaquina)
4º – Gelder Costa (ASG-Garopaba)

Resultado final por equipes:

1º- ASM (Matadeiro)                                   129 pts.
2º- ASLI (Luz/Ibiraquera)                           121 pts.
3º- ASJ (Joaquina)                                     120 pts.
4º- ASG (Garopaba)                                    113 pts
5º- ASP (Prainha- São Chico)                   107 pts
6º- ASPR (Praia do Rosa)                          106 pts.
7º- ASI (Imbituba)                                       102 pts.
8º- ASPI (Praias de Itajaí)                          102 pts
9º- ABS (Bombinhas)                                   97 pts
10º- ASF (Ferrugem)                                     91 pts
11º- ASPM (Praia Mole)                                89 pts.
12º- ASL (Laguna)                                        83 pts.

 Texto: João Lopes – Fotos: Basilio Ruy/PP07
Email: prime.press07@gmail.com
Walley Guimarães (ASLI-Luz/Ibiraquera) venceu a categoria Open e marcou a maior nota do evento para sua equipe (9.75). Foto: Basilio Ruy/PP07.
Patrick Plachi ASPR(Praia do Rosa) no aéreo reverse aplicado no sábado na Ferrugem que lhe valeu 9.50 pontos. Foto: Basilio Ruy/PP07
Categoria Longboard em ação nas ondas da Ferrugem. Foto: Basilio Ruy/PP07
Rodrigo Couto(ASG-Garopaba) finalista Open. Foto: Basilio Ruy/PP07
Cauã Gomes (ASP-Prainha São Chico) campeão da Sub-18. Foto: Basilio Ruy/PP07
João Rafael (ASLI – Luz/Ibiraquera), campeão Sub-14. Foto: Basilio Ruy/PP07
Tradicional Cerimônia das Areias na praia da Ferrugem- Santa Catarina Interassociações 2022.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Equiper perfiladas para a execução do hino nacional no Santa Catarina Interassociações – A Olimpíada do Surf Catarinense.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Lucas Miguel (ASJ Joaquina) campeão Sub-12.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pâmela Mel (ASF-Ferrugem) campeã da Feminino Open.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Ronaldo Silveira (ASJ-Joaquina) campeão Master.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Adaptado.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Feminino Sub-14.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Sub-16.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Open.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Público na Ferrugem.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Longboard.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Sub-18.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Sub-10.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Feminino Open.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Master.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Sub-12.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio Sub-14.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Festa das equipes campeãs do Santa Catarina Interassociações 2022.  Foto: Basilio Ruy/PP07
ASM – Associação de Surf do Matadeiro – Campeã do Santa Catarina Interassociações 2022.  Foto: Basilio Ruy/PP07
Pódio com as três melhores equipes do Santa Catarina Interassociações 2022: 1º-ASM -Matadeiro, 2º- ASLI – Luz/Ibiraquera e 3º- ASJ -Joaquina  Foto: Basilio Ruy/PP07

VOCÊ PODE GOSTAR

Deixe um comentário

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?
-
00:00
00:00
Update Required Flash plugin
-
00:00
00:00